Whatsapp x

Fale com Agente :)

11983495309

Enviar
email x
[email protected]
Há cinco anos, Televisa barrou exibição ilegal de Triunfo do Amor no Brasil
Siga-nos

Publicados

em

Os fãs de novelas mexicanas estão em festa desde a semana passada, quando o SBT anunciou a exibição da trama inédita Triunfo do Amor para substituir a reprise de O Que a Vida me Roubou em suas tardes. Afinal, trata-se de uma das tramas mais pedidas e aguardadas pelos brasileiros que anseiam por novos títulos do catálogo da Televisa – em especial pelos admiradores da estrela latina Maite Perroni, protagonista da atração.

O que muitos talvez não se lembrem é que, há quase cinco anos, a mesma atração quase pintou nas telas tupiniquins, de uma forma bem estranha e até hoje não muito bem esclarecida.

Tudo começou em março de 2015, quando a TV Meio Norte – emissora independente radicada em Teresina (PI), com exibição para todo o Nordeste – começou a divulgar em sua programação chamadas para a estreia de Triunfo do Amor, prometendo-a para o dia 13 de abril daquele mesmo ano, na faixa das 16h15.

Os comerciais destacavam a presença de Perroni e de William Levy como astros principais e adiantavam até alguns trechos dublados do programa. Importante destacar que não se trata da mesma dublagem que o SBT utilizará agora – realizada mais recentemente pelo estúdio carioca Rio Sound -, porém de um trabalho anterior, assinado em 2012 pelo Studio Gábia, de São Paulo, por encomenda do grupo africano Zap, e utilizada no catálogo brasileiro da Netflix pelo período em que esta disponibilizou a novela.

Até aí, nada demais. Não fosse o fato de que, à época, o SBT havia acabado de renovar um contrato com a Televisa que lhe conferia exclusividade para veiculação dos produtos da rede mexicana em todo o território brasileiro. Ou seja, a exibição de Triunfo do Amor pela TV Meio Norte era simplesmente ilegal!

“A citada emissora não tem nenhum tipo de vinculo ou contrato com a nossa empresa, não podendo exibir nenhuma de nossas produções. A TV SBT Canal 4 de São Paulo é a única televisão no Brasil com os direitos de exibir as novelas e produções da Televisa em território brasileiro”, informou à época a Televisa a respeito do caso, ao portal NaTelinha.

O grupo mexicano também deixou claro que estava disposto a ir às últimas consequências para impedir que sua produção fosse exibida de forma ‘extraoficial’ pelo canal nordestino. “Os advogados da Televisa no Brasil já notificaram a emissora pelo uso ilegal de imagens e proíbe a mesma de qualquer veiculação de conteúdo da empresa. A emissora não poderá exibir a novela Triunfo do Amor, caso o faça, novas medidas serão tomadas pelo jurídico da Televisa”, acrescentou.

Diante das ameaças, a Meio Norte não teve alternativa senão enfiar o rabo entre as pernas e parar de promover a novela, que, no fim das contas, sequer chegou a estrear. Relembre abaixo a chamada oficial da exibição não-oficial do folhetim.

OUÇA O NOSSO PROGRAMA

Postagens Recentes