Com audiência modesta, Abismo de Paixão chega ao fim no SBT

Vander Dias
Vander Dias
Foto: Reprodução

Com um episódio marcado pela redenção de suas personagens principais após uma sequência de cortes dos demais capítulos ao longo da exibição, a reprise de Abismo de Paixão, novela da Televisa produzida por Angelli Nesma Medina em 2012, e já exibida pela primeira vez no SBT durante o ano de 2016, chegou ao fim nesta terça-feira (11) marcando cerca de 9 pontos de média na grande São Paulo, excelentes índices para um último capítulo.

Ainda assim, esses números não foram o suficiente para repetir o mesmo êxito da sua transmissão original, a qual fechou com 8.47 pontos de média geral na capital paulista, até então, o maior índice registrado por uma novela mexicana na grade da emissora de Silvio Santos desde o retorno das tramas do gênero em 2010.

Todos os personagens se redimiram e conseguiram ser feliz no final / Foto: Reprodução

Com estreia definida em cima da hora e anúncio de apenas um dia (um recorde em termos de programação), a novela protagonizada por Angelique Boyer e David Zepeda termina sua jornada com uma média inferior aos 6.5 pontos e na terceira colocação no Ibope, ficando aquém das expectativas dos executivos do canal e em especial, do dono Silvio Santos, que desde 2018 vem mexendo nesse horário de forma interrupta.

Desde que o patrão mandou acelerar os capítulos de “Amanhã é Para Sempre” para dar lugar a terceira reprise de Carrossel, nunca mais a faixa viu a estabilidade que em outrora chegou a ter. É bem verdade que a reprise de “A Dona” voltou a recuperar os índices perdidos em 2019, no entanto, lá veio a mão do patrão novamente interferir nas decisões ao escalar o programa unitário “A Rosa dos Milagres”, também conhecido como “Milagres de Nossa Senhora” que fez tudo desandar mais uma vez.

 

Sem rumo e sem direção

A segunda faixa de novelas do SBT segue sofrendo com a imprevisibilidade das ações dos gestores do canal em sua grade. Neste momento “Betty a Feia em NY” da Telemundo é a grande aposta da vez para subir os índices não alcançados com Abismo de Paixão. A emissora acredita que a trama conhecida pelo público possui forte apelo popular e o humor voltado para todos tipos de público é o melhor remédio contra os dramas tradicionais das novelas da Globo e o jornalismo policialesco que toma conta da programação da Record TV e a Band no horário. Se vai funcionar, isso só o tempo poderá nos dizer, porém, é válido lembrar que não existe sucesso sem insistência e confiança no produto que está sendo investido.

Nós do Estrela Latina, estaremos atentos a todo esse movimento na faixa horária.

 

 

Vander Dias

Vander Dias

Post Relacionados

Fique conectado!

Assine a nossa newsletter