Executivos da Televisa apostam no retorno de Adela Noriega às novelas após 12 anos de abandono da carreira artística

Cadu Safner
Cadu Safner
Adela Noriega surgiu no Brasil com a exibição de Quinceañera e explodiu o SBT em audiência com a Cristina de O Privilégio de Amar (Divulgação: Televisa S.A)
Adela Noriega surgiu no Brasil com a exibição de Quinceañera e explodiu o SBT em audiência com a Cristina de O Privilégio de Amar (Divulgação: Televisa S.A)

Juán Osório, um dos produtores de novelas mais poderosos da Televisa afirmou em entrevista à revista Fórmula Espetáculos, que a atriz Adela Noriega estaria dando sinais que gostaria de voltar às novelas. O profissional tem se encontrado com frequência com a ex-atriz e disse que ela permanece tão linda e saudável quanto antes. Vale ressaltar que a atriz foi vítima de fake news, que apontavam que ela estaria lutando contra uma grave doença.

Em 2018 a produtora Carla Estrada, também revelou durante entrevista ao programa La Saga, que um dos seus próximos projetos será o retorno da grande atriz ao mundo da atuação.

Durante a entrevista, Estrada chegou a tocar no assunto sobre os boatos que envolvem o sumiço de Adela dos holofotes. O suposto envolvimento extra-conjugal com o ex-presidente do México, casado, na época, também foi pauta.

A atriz mexicana Adela Noriega nasceu Cidade do Méxicono dia 24 de outubro de 1969 (Reprodução: Televisa S.A)
A atriz mexicana Adela Noriega nasceu Cidade do Méxicono dia 24 de outubro de 1969 (Reprodução: Televisa S.A)

A produtora disse que tudo não passa de inverdades. “Eu afirmo que não, ela nunca passou por isso. Adela é uma menina única, eu acredito que é uma lenda urbana total“, disse.

Sobre o retorno da estrela, Carla disse que por duas vezes Noriega esteve em vias de voltar. Como não aconteceu, a produtora espera que nesta terceira oportunidade dê tudo certo. A poderosa da Televisa revelou também que conversou com a irmã de Adela e deixou entender que as negociações estão bem encaminhadas.

Acabo de encontrar com sua irmã e lhe disse: ‘Já disse a Adela que vamos fazer algo’, porque me encanta”, expressou a produtora e responsável por grandes sucessos em parceria com Adela. Amor Real (2003), Quinceañera (1987), María Isabel (1997), O Privilégio de Amar (1998) e Manancial (2001), são algumas.

O mistério que envolve o fim da carreira de Adela Noriega na televisão mexicana

Adela Noriega, também é muito famosa em países Árabes e no Brasil, ficou conhecida por trabalhos em diversas histórias. Mas foi como a Cristina de O Privilégio de Amar que ela conquistou os nossos corações. A atriz já participou de novelas na Colômbia e também nos Estados Unidos. Após um contrato de seis anos com a Televisa, do qual incluiu o megasucesso, Amor Real, Adela simplesmente desapareceu do mundo artístico.

A atriz disse que precisava se afastar da televisão por conta de um drama pessoal, porém, segundo afirmações de tabloides mexicanos, o motivo seria um verdadeiro escândalo conjugal com um ex-presidente do país que, por questões éticas não serão contadas nessa nota.

Adela Noriega começou como modelo aos 12 anos de idade (Divulgação)
Adela Noriega começou como modelo aos 12 anos de idade (Divulgação)

Mas existiu um fator importante que fez com que a atriz ainda fizesse algumas produções na teledramaturgia da Televisa antes de dar o tchau definitivo. Antes de morrer, Emílio Mimo, um dos donos da Televisa garantiu um contrato de exclusividade com a atriz, do qual ela foi obrigada a cumprir.

Foi então que retornou dos Estados Unidos -onde ela estava criando seu filho- para o México. Adela gravou suas três últimas novelas que ficaram marcadas na teledramaturgia mexicana, sonde elas: Amor Real, A Esposa Virgem e Fogo no Sangue. Tudo isso enquanto sua irmã criava seu filho.

O contrato milionário de Adela Noriega durou até 2008 e logo após o encerramento destes trabalhos ela voltou aos Estados Unidos e nunca mais aceitou nenhuma proposta para voltar à TV.

Pouco se sabe sobre a vida da atriz. No final de 2017 ela reapareceu em uma rede social, mas deixou claro que não tem nenhum interesse em retomar à carreira artística e que não era a mesma pessoa do passado.

Cadu Safner

Cadu Safner

Jornalista e editor-chefe do site Estrela Latina (Metrópoles), repórter com passagens na RedeTV!, Band, AllTV e no portal Terra. Desempenhou funções em editoriais de moda, política, policial e também assina a coluna Holofote, no site Observatório da TV (UOL).

Post Relacionados

Fique conectado!

Assine a nossa newsletter