Com vilã de Maria do Bairro e galã de Marimar, Netflix divulga trailer de Fogo Ardente

Jonathas Lopes
Jonathas Lopes
Itatí Cantoral e Eduardo Capetillo protagonizam Fogo Ardente da Netflix (Foto: Montagem/Estrela Latina)

Aos poucos a Netflix está estreando em seu catálogo as produções latinas partes do projeto Qué Drama. Por sua vez, esse projeto refere-se à séries que trazem a tona o gênero telenovela no streaming. Nesse sentido, a plataforma divulgou o trailer de Fogo Ardente (Donde Hubo Fuego).

Por certo, a ficção traz alguns nomes famosos das novelas mexicanas. Assim sendo, o elenco é composto por Esmeralda Pimentel (Abismo de Paixão), Eduardo Capetillo (Marimar), além de Itatí Cantoral (Maria do Bairro), dentre outros.

Fogo Ardente: Netflix libera trailer de série com astros da Televisa

Em primeira mão, a plataforma acaba de divulgar um trailer da produção que promete ser um thriller eletrizante com romance e, claro, muito drama. Ademais, a obra está prevista para estrear na Netflix a partir do dia 17 de agosto.

Por trás do projeto está o escritor José Ignacio Valenzuela, mesmo nome que assina a série Quem Matou Sara?, também da Netflix.

Além disso, outra novidade – essa para os fãs de novelas mexicanas – é que a Netflix preservou os dubladores dos artistas. Isto é, o público deve perceber que são as mesmas vozes que embalam as novelas mexicanas.

Conheça a história

Prevista para ter cerca de 40 episódios, Fogo Ardente tem como pano de fundo o dia-a-dia dos profissionais que trabalham como bombeiros.

Nesse caso, acompanharemos a jornada de Poncho. Ele é um rapaz que entra para o corpo de bombeiros em busca de vingança. Acontece que seu irmão foi assassinado, e o culpado pode está bem perto dele. Porém, nesse processo ela acabará encontrando o amor, uma família e um serial killer.

O gênero telenovela na Netflix

Apesar do streaming não anunciar essas produções como novelas, e sim séries, elas acabam tendo todos os elementos que os folhetins trazem. Contudo, em menos episódios e agrupados em temporadas.

Afinal, por ser uma plataforma global, o streaming ignorou esse termo por anos. Parte disso se deve ao fato dessa expressão ter ficado popular apenas na América Latina. Assim sendo, nos países da Europa, independente do gênero, toda ficção televisiva é uma série de TV.

Jonathas Lopes

Jonathas Lopes

Amante de teledramaturgia e cinema. Crítico de televisão nas horas vagas, e apaixonado pelo universo Star Wars.

Post Relacionados

Fique conectado!

Assine a nossa newsletter