Morte de ator abala Maria João Costa, a autora de Ouro Verde; veja a homenagem

Cadu Safner
Cadu Safner
Maria João Costa em coletiva de imprensa de Floribella (Divulgação/Band)
Maria João Costa em coletiva de imprensa de Floribella (Divulgação/Band)

Na manhã deste sábado o ator Pedro Lima, de 46 anos, foi encontrado morto em uma praia na cidade de Cascais, em Portugal. Ele estava prestes a iniciar as gravações da novela Amar Demais, do canal TVI, escrita por Maria João Costa, a autora de Valor da Vida (2019) e Ouro Verde (2018), esta última em exibição no Brasil pela Band.

Em seu perfil no Instagram, Maria João publicou uma homenagem ao ator, com um vídeo em que ele e parte do elenco de Amar Demais comemoram juntos o inicio dos trabalhos com a novela. Na legenda, uma emocionante frase que encerrou a novela Valor da Vida. “Viva intensamente e amém. Porque a vida corre mais depressa que um rio“. No post seguinte, uma imagem preta com o nome ator.

Morre o ator Pedro Lima em Portugal (Divulgação)
Morre o ator Pedro Lima em Portugal (Divulgação)

TVI envia comunicado 

“O Pedro Lima partiu. Uma partida inesperada e brutal. É um dia chocante que abre uma tormenta de emoções e deixa um pesar enorme entre todos. Todos, sem exceção. A TVI endereça à família, neste momento de dor imensa, sentidas condolências. O Pedro era um dos mais versáteis atores da sua geração. E um operário desta indústria, no cinema , no teatro e na televisão. Sempre disponível, sempre afável, sempre pronto para trabalhar. A sua relação com a TVI tinha mais de duas décadas, mas cada projeto parecia ser sempre o primeiro.

Cuidava e afeiçoava-se de forma única às suas personagens .Foi assim que recebeu o regresso do Tristão, da série Espírito Indomável, lançada a partir da novela com o mesmo nome, e que é seu papel mais marcante neste trajeto intenso e longo na ficção nacional onde está desde a primeira hora. Neste momento dava corpo a Gonçalo Macedo na novela Amar Demais, cujas gravações foram recentemente retomadas. Era um companheiro e um amigo de todos, admirado pela sua simplicidade e capacidade de trabalhar em equipa. Todas as mortes são uma perda, mas esta é especialmente dolorosa pelo que deixa para trás. Saibamos honrar a sua memória e o seu exemplo”

Cadu Safner

Cadu Safner

Jornalista e editor-chefe do site Estrela Latina (Metrópoles), repórter com passagens na RedeTV!, Band, AllTV e no portal Terra. Desempenhou funções em editoriais de moda, política, policial e também assina a coluna Holofote, no site Observatório da TV (UOL).

Post Relacionados

Fique conectado!

Assine a nossa newsletter