Na tentativa de salvar o Blim, Televisa restringe conteúdo do Las Estrellas e serviço deixa de ser gratuito

Cadu Safner
Cadu Safner
Sandra Echeverría em cena de La Usurpadora (Reprodução: Televisa S.A)
Sandra Echeverría em cena de La Usurpadora (Reprodução: Televisa S.A)

A partir do dia 2 de outubro a Televisa deixará de transmitir seu conteúdo do canal Las Estrellas de forma gratuita. Isso mesmo! O serviço, a partir de então, só será disponibilizado para usurários que tiverem uma assinatura da plataforma digital Blim ou do serviço de TV paga, Izzi.

Entre os conteúdos que ainda podem ser vistos até lá, estão La Rosa de Guadalupe, que aqui no Brasil é transmitida pelo SBT sob o título de Milagres de Nossa Senhora. Tem também a série Como Dice El Dicho, La Reyno Soy Yo e La Usurpadora e outros.

Embora na televisão aberta Las Estrellas seja o canal favorito dos mexicanos, na Internet, a plataforma da Televisa é usada por apenas 6%, a mesma proporção usada pela Blim, que possui os mesmos conteúdos. O aviso aparece logo na parte superior do player de vídeo do sinal ao vivo: “A partir de 2 de outubro. Sinal ao vivo exclusivamente com seu serviço de TV paga”. Ao lado, os logos da Blim TV e Izzi, serviços em que a emissora disponibiliza seus conteúdos.

No México, o tipo de programação favorita dos telespectadores é, em primeiro lugar, os noticiários, com 40% de favoritismo, seguido de filmes, com 38%, e terceiro, as novelas, com 31%, aponta a Pesquisa Nacional de Consumo de Conteúdo Audiovisual de 2017, também realizada pelo Instituto Federal de Telecomunicações (IFT). No caso da TV aberta, o canal Las Estrellas, é, então, a emissora favorita das pessoas, com 55% das menções, e na sequência vem Azteca Uno, sua principal concorrente, com 50%.

Quando o assunto é TV pela internet, a pesquisa mostra que as pessoas preferem plataformas como YouTube e Netflix, com 25% e 17% das menções. Seguido pelo Facebook Live, com 12%, YouTube Red, com 7%; Google Play, com 6%, e Televisa em segundo plano, com 6%.


Cadu Safner

Cadu Safner

Jornalista e editor-chefe do site Estrela Latina (Metrópoles), repórter com passagens na RedeTV!, Band, AllTV e no portal Terra. Desempenhou funções em editoriais de moda, política, policial e também assina a coluna Holofote, no site Observatório da TV (UOL).

Post Relacionados

Fique conectado!

Assine a nossa newsletter