Protagonista de Quase Anjos revela que cogitou deixar a trama: “Me sentia fora do mundo”

Felipe Brandão
Felipe Brandão
Peter Lanzani como Thiago em Quase Anjos (Divulgação / Telefe)

Mais de dez anos após ter sido encerrada pelo canal Telefe, a novela argentina Quase Anjos continua dando o que falar entre seus fãs e os meios de comunicação de todo o mundo. Protagonista jovem da trama ao longo de suas quatro temporadas, o ator Peter Lanzani revelou recentemente uma surpreendente curiosidade dos bastidores de sua participação no projeto.

Em entrevista concedida na semana passada ao programa Los Mammones, da emissora argentina América TV, o artista de 30 anos admitiu que pensou seriamente em abandonar o elenco no final da segunda temporada de Quase Anjos, rodada em 2008.

“Quase larguei tudo. Estava muito cansado, me sentindo fora do meu mundo. Vivia longe dos meus amigos, das viagens com meu clube de rugby [por conta das atividades com a novela]”, explicou Lanzani ao apresentador Jay Mammon.

O ator só acabou seguindo em Quase Anjos graças aos conselhos do colega Nicolás Vázquez, protagonista adulto da atração, que o convenceu a renovar seu contrato. “Ele me disse que precisava trilhar um caminho interno para não perder minhas amizades. Felizmente mantenho até hoje meu mesmo grupo de amigos, que são meu pilar e a melhor coisa que tenho na vida”, declarou.

Peter Lanzani estreou na telinha na novela Chiquititas 2008, exibida no Brasil pelo SBT. Em Quase Anjos, ele deu vida a Thiago Bedoya Agüero, um adolescente que se descobria guardião de uma misteriosa dimensão paralela, denominada Eudamon, e era obrigado a lutar contra o espírito atormentado do próprio pai, João Cruz (Mariano Torre), para proteger esse universo mágico.

Felipe Brandão

Felipe Brandão

Felipe Brandão é jornalista diplomado desde 2012 - mas sua paixão pela TV e pelas novelas, especialmente as latinas, começou desde muito cedo em sua vida. Gosta de tudo o que envolve arte, apesar de seu apreço duvidoso pelos filmes de um certo boneco Chucky... Ninguém é perfeito, né?

Post Relacionados

Fique conectado!

Assine a nossa newsletter