TLN anuncia estreia de Triunfo do Amor e alfineta SBT: “Sem quaisquer cortes”

Cadu Safner
Cadu Safner
Max e Maria em Triunfo do Amor (Reprodução: Televisa S.A.)
Max e Maria em Triunfo do Amor (Reprodução: Televisa S.A.)

Os fãs da novela mexicana Triunfo do Amor ganharão em breve uma alternativa para acompanhar a história de Maria Desamparada (Maite Perroni) e Maximiliano (William Levy). Em cartaz desde novembro nas tardes do SBT, o folhetim agora será exibido também pelo TLN, canal em português do Grupo Televisa que está disponível no Brasil pelo serviço de streaming Guigo TV.

Triunfo do Amor estreia por lá no dia 22 de março, em horários alternativos, substituindo Mar de Amor – outro sucesso mexicano também já exibido por Silvio Santos. A exibição da trama pela TLN, no entanto, contará com uma diferença fundamental: a dublagem.

Enquanto o SBT transmite a obra com as vozes do elenco do estúdio carioca Rio Sound, na Guigo TV ela irá ao ar em sua ‘versão brasileira’ original, realizada em 2012 pelo Stúdio Gábia, de São Paulo – a mesma com que esteve disponível anos atrás no catálogo da Netflix.

A maior diferença entre as duas ‘abrasileirações’ de Triunfo do Amor será sentida pelo telespectador nos nomes de alguns personagens centrais. Por exemplo, a dupla de vilões que no SBT é conhecida como Helena (Dominika Paleta) e Guilherme (Guillermo García Cantú) será chamada na TLN de Ximena e Guilhermo, nomes mais próximos da pronúncia original castelhana.

O mais curioso, porém, dessa ‘dupla jornada’ do folhetim na mídia brasileira fica por conta da forma como ela vem sendo anunciada pela TLN. Em seu perfil oficial na rede social Facebook, a emissora promete exibir Triunfo do Amor “dublada em português, na íntegra, sem quaisquer cortes, sejam artísticos ou de censura”.

Tais detalhes podem ser entendidos como uma indireta ao SBT, que não de hoje promove vários cortes nas novelas estrangeiras que transmite em sua grade vespertina. Nesta mesma semana, por exemplo, a rede dos Abravanel dividiu opiniões ao censurar uma sequência-chave da reta final de Quando me Apaixono, em que o vilão Augusto (Lisardo Guarinos) é assassinado por Jerônimo (Juan Soler), o mocinho.

Cadu Safner

Cadu Safner

Jornalista com 7 anos de mercado, atualmente também como repórter do site Observatório da TV e experiência em veículos como RedeTV!, Band e Notícias da TV.

Post Relacionados

Fique conectado!

Assine a nossa newsletter