Um ano após comentários racistas contra atriz do filme Roma, Sergio Goyri é nome proibido na TV

Cadu Safner
Cadu Safner

Há exato um ano, um escândalo tomou o cenário artístico mexicano quando o ator veterano, Sergio Goyri, de 61 anos, foi flagrado através de uma filmagem feita pela própria esposa, insultando com palavras e frases de cunho racista a atriz Yalitza Aparicio, indicada ao Oscar por Roma, filme original da Netflix que a projetou mundialmente.

Na ocasião, durante um jantar entre amigos, Goyri demonstrou irritação com a indicação de Yalitza ao Oscar e referiu-se a ela como “pobre índia”. O ator ainda insinuou que a Yalitza se recusava a viver sua cultura indígena. “É uma índia atrás de fama/click“, disse ele.

A esposa de Goyri fazia stories no exato momento dos comentários proferidos e o áudio da conversa foi captado e em poucos minutos viralizou na internet, gerando rechaço contra o ator e uma comoção de apoio a atriz que estava a poucos dias de marcar presença no Oscar.

Ele, conhecido por interpretar grandes vilões na teledramaturgia mexicana e com inúmeras novelas exibidas no Brasil pelo SBT, perdeu contrato com a Telemundo, última emissora em que trabalhou e da qual estava escalada para fazer uma novela. Na época, Sergio Goiry havia rescindido contrato com a Televisa para fazer novelas na Telemundo.

Um ano após o infeliz episódio, Sergio Goyri continua rejeitado por todas as estações de televisão no México e nos Estados Unidos. Nenhum canal o procurou para qualquer trabalho, participação ou entrevista. O ato racista acabou com a carreira de Goyri instantaneamente, a ponto dos próprios produtores que trabalharam junto com ele nessas quatro décadas de carreira sequer atenderem os contatos do ator, informa o portal Chacaleo.

“Ele não conseguiu que os produtores e as emissoras de televisão mudassem de ideia, porque ninguém quer ser “rotulado” como racista por contratar uma pessoa que se enfureceu publicamente contra uma atriz de origem Oaxaca. Pior do que vetado, é completamente apagado do mapa do show business, porque ninguém em sã consciência colocaria as mãos no fogo por ele”, disse o site.

Na Televisa, onde ele era cotado para a nova versão do El Maleficio, no entanto, seu nome foi removido da lista. A TV Azteca e a Imagen Televisión, por não fazerem novelas próprias, nem se preocuparam em pensar em Sergio Goyri, tampouco demonstraram interesse em levá-lo como convidado para um programa matinal.

Após o rebuliço causado, Lupita Arreola, esposa de Goiry, veio a público e disse que não tinha a intensão de que isso acontecesse. Segundo Lupita, ela estava interagindo com seus seguidores sem saber o que estava rolando na conversa ao lado. Através de um vídeo postado no instagram, o ator se desculpou com Yalitza e com o público pelas ofensas.

“Não tive a intensão de ofender”, afirma o ator mexicano

Aqui, ciente, eu assumo a responsabilidade por um comentário totalmente infeliz da minha parte. Tudo o que eu quero dizer é que nunca houve qualquer intenção da minha parte de ofender ninguém. Peço um grande pedido de desculpas a Yalitza, você merece isso e muito mais. Para mim, é uma honra que um mexicano seja indicado ao Oscar“, disse ele.

E seguiu com o texto: “Eu estava comentando sobre outras coisas e no calor da discussão fiz isso. Não tenho o direito de ofender ninguém, peço desculpas diretamente a ela e um grande pedido de desculpas a todas as pessoas ofendidas com o meu comentário. Não houve a intenção. É realmente tudo o que posso jurar, não tive qualquer intenção de fazer uma piada de nada. Tudo louvável foi feito com esse filme, eu estou orgulhoso deles e um grande pedido de desculpas para todos, eu me sinto muito envergonhado“, lamentou o ator.

Sergio Goiry ficou conhecido no Brasil por inúmeras novelas. Em sua grande maioria, ele sempre esteve no papel de vilão. Entre suas tramas mais conhecidas por aqui estão: Menina Amada Minha (2003), A Dona (2010), Te Sigo AmandoRubí (2004), Meu Pecado (2012) e Coração Indomável (2013).

Os insultos de Sergio Goyri contra Yalitza Aparicio:

As desculpas de Goyri:

Cadu Safner

Cadu Safner

Jornalista e editor-chefe do site Estrela Latina (Metrópoles), repórter com passagens na RedeTV!, Band, AllTV e no portal Terra. Desempenhou funções em editoriais de moda, política, policial e também assina a coluna Holofote, no site Observatório da TV (UOL).

Post Relacionados

Fique conectado!

Assine a nossa newsletter